Notícias
HOME »

Governadora Roseana reinaugura Biblioteca Pública Benedito Leite

09 de maio

Biblioteca-Benedito-Leite-foto-Handson-Chagas (01)Prédio, reaberto nesta quinta-feira (9), ganhou novos espaços e foi totalmente reformado, ampliado e modernizado; investimento de R$ 7 milhões em obras civis e equipamentos.

A governadora Roseana Sarney reinaugurou, nesta quinta-feira (9), a Biblioteca Pública Benedito Leite, no Centro de São Luís. Com investimento de R$ 7 milhões, sendo R$ 5,5 milhões em obras civis e o restante em equipamento, a obra de recuperação total do prédio foi executada pela equipe da Secretaria de Estado de Infraestrutura (Sinfra).

ROSEANA SARNEY - INAUGURAÇÃO BIBLIOTECAAcompanhada dos secretários de Infraestrutura Luís Fernando Silva, e de Cultura, Olga Simão, além de várias autoridades e estudantes, a governadora Roseana entregou o prédio totalmente reformado, ampliado e modernizado.

“Hoje a minha alegria é imensa em fazer a reabertura da Biblioteca Pública Benedito Leite. Ao entregarmos esse prédio com o que há de mais moderno, estamos disponibilizando todo o acervo para a formação e o futuro dos maranhenses, garantindo mais conforto para todos. Temos um acervo atualizado, com mais de 140 mil títulos. Muitas são as novidades que estamos oferecendo a partir de agora, como a Biblioteca do Bebê – pioneira no país. Este é, sem dúvidas, um dos momentos mais marcantes e gratificantes do meu governo”, destacou a governadora Roseana Sarney.

Os serviços consistiram na recuperação de toda a estrutura física, incluindo substituição do telhado e ampliação do anexo (Biblioteca Infantil Viriato Corrêa), e também a troca das instalações elétrica, hidráulica, sanitária e da rede lógica. Com a obra, que teve início no fim de 2010, o prédio ganhou novos espaços, todos climatizados, com tecnologia de ponta e acessibilidade a pessoas com necessidades especiais.

ROSEANA SARNEY - INAUGURAÇÃO BIBLIOTECA (9)“Hoje a Biblioteca Pública não fica mais restrita a nenhum público. Ela atende a todos os maranhenses com o que há de mais moderno em estrutura física e tecnológica. Reafirmamos hoje, com a governadora Roseana o compromisso com a cultura, com a história maranhense. O dia é de muita alegria e muita satisfação para todos nós”, ressaltou o secretário de Infraestrutura, Luis Fernando Silva.

Inovações
Entre as novidades estão a Biblioteca do Bebê (pioneira no país), Espaço de Leitura (usuário leva seu próprio livro para ler) e o palco e a sala de projeções de filmes, instalados no prédio anexo da Biblioteca Infantil Viriato Corrêa. Há novas acomodações também para os setores de Direitos Autorais, Informação Utilitária, Telecentro, Salas de Multimídia e de Microfilme e Laboratório de Higienização e Digitalização do Acervo. A área do Setor de Braille foi ampliada e seu acervo passa a dispor de novos livros.

ROSEANA SARNEY - INAUGURAÇÃO BIBLIOTECA (10)No campo dos equipamentos modernos, a Biblioteca Pública passa a contar com um Scanner de microfilmes (que digitaliza direto para impressora, pen drives e disco rígido; permite que o usuário salve uma cópia da informação digitalizada e realize a pesquisa em casa; se conectado à internet, permite o envio das obras digitalizadas, por e-mail) e um Scanner planetário (permite a digitalização de obras encadernadas e em folhas soltas, até o formato A2, tendo como características a alta qualidade e velocidade de digitalização, a baixa exposição dos originais à luz, o não uso de radiação ultravioleta e a não emissão de reflexos mesmo com papéis brilhante).

Biblioteca-Benedito-Leite-foto-Handson-Chagas (02)O acervo da Biblioteca Pública foi enriquecido com 10 mil obras. Com isso, serão mais de 140 mil títulos, entre livros, jornais, revistas, manuscritos, microfilmes, diários oficiais, livros em Braille e obras raras.

“A governadora sabe da importância dessa obra para o Maranhão. Por isso mesmo entregamos hoje um novo prédio com as instalações modernas, equipamentos que facilitam a pesquisa e, sobretudo, garantindo a acessibilidade de todos. Foi um investimento alto, mas de grande importância para garantir um excelente espaço para todos os alunos, professores e pesquisadores maranhenses”, afirmou a secretária de Cultura, Olga Simão.

ROSEANA SARNEY - INAUGURAÇÃO BIBLIOTECA (11)A Biblioteca Pública desenvolve uma série de ações de incentivo à leitura. Na lista de projetos, estão Terça na Biblioteca, Quinzena do Livro Infantil e Juvenil, Arraial da Tia Nastácia, Férias na Biblioteca, Natal na Biblioteca, Livro na Praça, Programa Nacional de Incentivo à Leitura (Proler) e Semana do Livro Infantil. O espaço está aberto ao público de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 19h. 

“Hoje é um dia muito especial para todos os funcionários, para todos os maranhenses. A Biblioteca é um bem cultural indispensável para a formação de nossa população. Foi no governo Roseana que recebemos os primeiros computadores vistos nesse espaço e hoje, reabrimos esse espaço completamente reformado e modernizado com novos espaços. Quero desejar a todos boas leituras, boas pesquisas”, disse a diretora da Biblioteca Pública, Rosa Maria Lima. 

Conheça a história da Biblioteca Pública
A Biblioteca Pública Benedito Leite completa 182 anos sendo um monumento à leitura e ao conhecimento no Maranhão. Criada pelo então presidente da província, Cândido José de Araújo Viana, em 3 de maio de 1831, tendo como origem uma subscrição popular e voluntária e recebendo o nome de Biblioteca Pública Estadual, a Casa até hoje abriga acervo de livros, revistas, obras de arte, coleções de jornais maranhenses datados desde a Independência (1822) e manuscritos do século XVIII.

Ponto de encontro de jornalistas, escritores, professores, bibliotecários, entre outros intelectuais, a Biblioteca Pública desempenha um papel de relevância cultural no Maranhão e no país. Sua história registra um comprometimento com os anseios populares, tanto por propiciar o livre acesso ao conhecimento, como por ser a maior guardiã da memória cultural do estado. Prova disso, é que na Casa de Leitura foram proferidas as famosas Conferências da Universidade Popular do Maranhão e fundadas a Oficina dos Novos, a Sociedade Cívica das Datas Nacionais e a Academia Maranhense de Letras.

A primeira sede da Biblioteca Pública Benedito Leite foi o Convento do Carmo, na Rua do Egito, onde foi inaugurada em 3 de maio de 1831. No ano de 1851, o espaço foi anexado ao Liceu Maranhense. Depois, pela Lei nº 752 de 1º de junho de 1866, ficou sob a guarda do Instituto Literário Maranhense. Em 10 de junho de 1872, passou aos cuidados da Sociedade 11 de Agosto, com instalações no pavimento superior de prédio da Rua do Egito, onde depois funcionou a Assembleia Legislativa do Estado.

Já no dia 4 de abril de 1883, foi aberta ao público na Igreja da Sé, retornando ao Convento do Carmo em 1886, onde permaneceu abandonada e esquecida. No ano de 1892, é transferida para a Rua Afonso Pena. Três anos após, o acervo foi levado para o prédio da Rua da Paz, hoje Academia Maranhense de Letras, onde reabriu ao público em 25 de janeiro de 1898, sob a direção de Antônio Lobo. No período de 1914 até 1927, retornou ao prédio da Rua do Egito para a parte térrea, sendo novamente transferida para o casarão da Rua da Paz.

O prédio atual, localizado na Praça do Pantheon, antigo Campo do Ourique, e onde antes fora edificado o Quartel do 5º Batalhão de Infantaria, erguido em 1797, foi inaugurado em 12 de setembro 1951. O projeto do prédio é do engenheiro civil maranhense Antônio Bayma.

Em estilo clássico, com cúpula central, o prédio possui alas semicirculares e vãos de janelas encimados por frontões, e em seu interior, salões de leitura para o público e um auditório no 4º pavimento, que foi reformado e modernizado. A homenagem ao ilustre maranhense Benedito Leite data de 1958.

Conferências de Meio Ambiente sobre resíduos sólidos é aberta em Chapadinha

09 de maio

A Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Recursos Naturais do Maranhão (Sema) deu início, nesta quarta-feira (8), no auditório central da Universidade Federal do Maranhão (Ufma), em Chapadinha, a primeira das 11 Conferências Regionais de Meio Ambiente que serão realizadas este ano no Maranhão.

A mesa de abertura do evento foi composta pela prefeita de Chapadinha, Ducilene Belezinha; a secretária-adjunta de Desenvolvimento Sustentável da Sema, Lorena Sabóia (representando o secretário de Estado de Meio Ambiente, Victor Mendes); o promotor de Justiça,  Gustavo Dias; o vereador Eduardo Sá (representando a Câmara Municipal); o professor Cláudio Gonçalves da Silva, (representando a Ufma); o agricultor Manuel Santana, do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Chapadinha representando a sociedade civil da região.

Durante a abertura do evento o promotor de Justiça, Gustavo Dias, ressaltou a seriedade e importância do tema que vai discutir resíduos sólidos. “A Conferência serve como um fórum em que a Sema está chamando toda a sociedade para debater esse problema. Especialmente, em Chapadinha, o Ministério Público espera possuir um canal com a administração pública para que seja elaborado um Plano Municipal e tentar, com diálogo e discussão, superar esse problema dos lixões”, disse Gustavo Dias.

A secretária-adjunta de Desenvolvimento Sustentável da Sema, Lorena Sabóia, explicou a dinâmica dos trabalhos e ressaltou a importância do evento. “O poder público não é o único responsável pelo êxito da política de gestão de resíduos sólidos, mas assume a função primordial de promover e liderar o diálogo. A Conferência Estadual do Meio Ambiente, em sua quarta edição, nasceu com esse espírito dialógico e propositivo, com a compreensão do papel de todos nesse processo. O Estado do Maranhão já deu um passo importante ao elaborar, de forma participativa e democrática com a sociedade, seu Plano Estadual de Gestão de Resíduos Sólidos”, destacou.

Na ocasião, o engenheiro da Sema e coordenador da Conferência Regional de Chapadinha,  Telmo José, ministrou uma palestra na qual detalhou toda a estrutura da conferência e a forma de composição e escolha dos delegados. Em seguida abordou a questão dos resíduos sólidos por meio de dados populacionais, em função do consumismo e do desenvolvimento econômico da região, entre outros indicadores.

Logo após os participantes foram divididos em grupos de trabalho e discutiram o tema “Resíduos Sólidos” nos sub-eixos Produção e Consumo Sustentáveis, Redução dos Impactos Ambientais, Educação Ambiental e Geração de Emprego e Renda.

O evento será encerrado com a escolha dos delegados que participarão da Conferência Estadual de Meio Ambiente em São Luís. Tanto em Chapadinha quanto nas demais conferências regionais o tema dos debates é “Gestão de Resíduos Sólidos” e os sub-eixos Produção e Consumo Sustentáveis, Redução dos Impactos Ambientais, Educação Ambiental e Geração de Emprego e Renda. Este também é o tema central da IV Conferência Nacional do Meio Ambiente que será realizada, em Brasília, no período de 24 a 27 de outubro.

Participação

Cerca de 200 pessoas participaram da conferência de Chapadinha. Representantes de 19 municípios foram convidados para o evento, mas só mandaram representantes os municípios de Afonso Cunha, Anapurus, Araióses, Belágua, Brejo, Buriti, Chapadinha, Coelho Neto, Duque Bacelar, Magalhães de Almeida, Mata Roma, Santa Quitéria do Maranhão, São Benedito do Rio Preto, São Bernardo e Urbano Santos.  Água Doce do Maranhão, Milagres do Maranhão, Santana do Maranhão e Tutóia não enviaram representantes.

Francisco de Carvalho Souza, o Chico da Cohab, ativista ambiental e integrante do Fórum Carajás, destacou a importância do diálogo sobre resíduos sólidos proporcionado pelo evento. “A importância é enorme, sobretudo para o movimento social-sindical porque está compartilhando nessa conferência ideias, sugestões, diretrizes e responsabilizando a todos. A conferência é um espaço social-democrático onde podemos implementar políticas da gestão do meio ambiente”, ressaltou.

Conferências regionais

Outras 10 Conferências Regionais serão realizadas até o dia 5 de julho. Cada uma delas reunirá um grupo de municípios. A próxima Conferência Regional de Meio Ambiente será realizada, sexta-feira (10), em Itapecuru-Mirim, no espaço Henrique’s Eventos, localizado na Rua Santa Cruz, nº 5 – bairro Malvinas, a partir das 7h30.

Fazem parte da Regional de Itapecuru-Mirim os municípios de Anajatuba, Axixá, Bacabeira, Barreirinhas, Cachoeira Grande, Cantanhede, Humberto de Campos, Icatu, Itapecuru-Mirim, Matões do Norte, Miranda do Norte, Morros, Nina Rodrigues, Paulino Neves, Pirapemas, Presidente Juscelino, Presidente Vargas, Primeira Cruz, Rosário, Santa Rita, Santo Amaro do Maranhão, Vargem Grande.

A expectativa é de as Conferências Regionais no Maranhão mobilizem representantes de segmentos sociais de diversos municípios, entre membros de organizações não governamentais, movimentos sociais, entidades, empresas, instituições de ensino e pesquisa, representantes dos poderes executivos, legislativos e judiciários.

Durante as etapas regionais serão eleitos delegados que deverão participar da IV Conferência Estadual, marcada para o período de 3 a 5 de setembro, no Centro de Convenções Pedro Neiva de Santana, em São Luís. Os participantes elegerão 46 delegados em Chapadinha e 52 em Itapecuru Mirim.

A IV Conferência Estadual do Meio Ambiente é coordenada pela Sema, em conjunto com uma Comissão Organizadora Estadual (COE), composta por 16 órgãos públicos e 15 entidades da sociedade civil. Todo o processo de organização da conferência é regulamentado pelo Regimento Interno aprovado pela COE.

Os outros municípios sede das etapas preparatórias para a IV Conferência Estadual do Meio Ambiente são Bacabal, Balsas, Barra do Corda, Caxias, Imperatriz, Pinheiro, Presidente Dutra, Santa Inês e São José de Ribamar.

Calendário das 11 Conferências Regionais do Meio Ambiente

MUNICÍPIOS

DATA

Chapadinha

08 de maio

Itapecuru Mirim

10 de maio

Barra do Corda

22 de maio

Presidente Dutra

24 de maio

Santa Inês

04 de junho

Bacabal

06 de junho

Caxias

08 de junho

Balsas

18 de junho

Imperatriz

21 de junho

Pinheiro

03 de julho

São José de Ribamar

05 de julho

Governadora inaugura Biblioteca Pública Benedito Leite nesta quinta-feira (9)

08 de maio

Com a reforma o prédio ganhou novos espaços, todos climatizados, com tecnologia de ponta e acessibilidade a pessoas com necessidades especiais.

Biblioteca-Benedito-Leite-foto-Handson-Chagas (01)

Totalmente reformada, ampliada e modernizada, a Biblioteca Pública Benedito Leite, órgão vinculado à Secretaria de Estado de Cultura (Secma), será entregue pela governadora Roseana Sarney e secretária Olga Simão, nesta quinta-feira (9), às 11h. Com investimento de R$ 7 milhões, sendo R$ 5,5 milhões em obras civis e o restante em equipamento, a obra de recuperação total do prédio foi executada pela equipe da Secretaria de Estado de Infraestrutura (Sinfra).

Os serviços consistiram na recuperação de toda a estrutura física, incluindo substituição do telhado e ampliação do anexo (Biblioteca Infantil Viriato Corrêa), e também a troca das instalações elétrica, hidráulica, sanitária e da rede lógica. Com a obra, que teve início no fim de 2010, o prédio ganhou novos espaços, todos climatizados, com tecnologia de ponta e acessibilidade a pessoas com necessidades especiais.

Entre as novidades, estão a Biblioteca do Bebê (pioneira no país), Espaço de Leitura (usuário leva seu próprio livro para ler) e o palco e a sala de projeções de filmes, instalados no prédio anexo da Biblioteca Infantil Viriato Corrêa. Há novas acomodações também para os setores de Direitos Autorais, Informação Utilitária, Telecentro, Salas de Multimídia e de Microfilme e Laboratório de Higienização e Digitalização do Acervo. A área do Setor de Braille foi ampliada e seu acervo passa a dispor de novos livros.

Biblioteca-Benedito-Leite-foto-Handson-Chagas (02)No campo dos equipamentos modernos, a Biblioteca Pública passa a contar com um Scanner de microfilmes (que digitaliza direto para impressora, pen drives e disco rígido; permite que o usuário salve uma cópia da informação digitalizada e realize a pesquisa em casa; se conectado à internet, permite o envio das obras digitalizadas, por e-mail) e um Scanner planetário (permite a digitalização de obras encadernadas e em folhas soltas, até o formato A2, tendo como características a alta qualidade e velocidade de digitalização, a baixa exposição dos originais à luz, o não uso de radiação ultravioleta e a não emissão de reflexos mesmo com papéis brilhante).

Acervo

O acervo da Biblioteca Pública foi enriquecido com 10 mil obras. Com isso, serão mais de 140 mil títulos, entre livros, jornais, revistas, manuscritos, microfilmes, diários oficiais, livros em braille e obras raras.

“O acervo é valioso não só pela quantidade, mas fundamentalmente pela qualidade da informação que disponibiliza aos seus usuários”, afirmou a diretora da Biblioteca Pública Benedito Leite, Rosa Maria Ferreira Lima.

A Biblioteca Pública desenvolve uma série de ações de incentivo à leitura. Na lista de projetos, estão Terça na Biblioteca, Quinzena do Livro Infantil e Juvenil, Arraial da Tia Nastácia, Férias na Biblioteca, Natal na Biblioteca, Livro na Praça, Programa Nacional de Incentivo à Leitura (Proler) e Semana do Livro Infantil. O espaço ficará aberto ao público da aberta de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 19h.

HISTÓRIA DA BIBLIOTECA PÚBLICA

A Biblioteca Pública Benedito Leite está completando 182 anos, sendo um monumento à leitura e ao conhecimento no Maranhão. Criada pelo então presidente da província, Cândido José de Araújo Viana, em 3 de maio de 1831, tendo como origem uma subscrição popular e voluntária e recebendo o nome de Biblioteca Pública Estadual, a Casa até hoje abriga acervo de livros, revistas, obras de arte, coleções de jornais maranhenses datados desde a Independência (1822) e manuscritos do século XVIII.

Ponto de encontro de jornalistas, escritores, professores, bibliotecários, entre outros intelectuais, a Biblioteca Pública desempenha um papel de relevância cultural no Maranhão e no país. Sua história registra um comprometimento com os anseios populares, tanto por propiciar o livre acesso ao conhecimento, como por ser a maior guardiã da memória cultural do estado.

Prova disso, é que na Casa de Leitura foram proferidas as famosas Conferências da Universidade Popular do Maranhão e fundadas a Oficina dos Novos, a Sociedade Cívica das Datas Nacionais e a Academia Maranhense de Letras.

Mudanças de endereço

A primeira sede da Biblioteca Pública Benedito Leite foi o Convento do Carmo, na Rua do Egito, onde foi inaugurada em 3 de maio de 1831. Mas, muitas foram as mudanças nesses anos de trajetória. No ano de 1851, o espaço foi anexado ao Liceu Maranhense. Depois, pela Lei nº 752 de 1º de junho de 1866, ficou sob a guarda do Instituto Literário Maranhense. Em 10 de junho de 1872, passou aos cuidados da Sociedade 11 de Agosto, com instalações no pavimento superior de prédio da Rua do Egito, onde depois funcionou a Assembleia Legislativa do Estado.

Já no dia 4 de abril de 1883, foi aberta ao público na Igreja da Sé, retornando ao Convento do Carmo em 1886, onde permaneceu abandonada e esquecida. No ano de 1892, é transferida para a Rua Afonso Pena. Três anos após, o acervo foi levado para o prédio da Rua da Paz, hoje Academia Maranhense de Letras, onde reabriu ao público em 25 de janeiro de 1898, sob a direção de Antônio Lobo. No período de 1914 até 1927, retornou ao prédio da Rua do Egito para a parte térrea, sendo novamente transferida para o casarão da Rua da Paz.

Prédio atual

O prédio atual, localizado na Praça do Pantheon, antigo Campo do Ourique, e onde antes fora edificado o Quartel do 5º Batalhão de Infantaria, erguido em 1797, foi inaugurado em 12 de setembro 1951. O projeto do prédio é do engenheiro civil maranhenseAntônio Bayma.

Em estilo clássico, com cúpula central, alas semicirculares e vãos de janelas encimados por frontões, possui no seu interior, salões de leitura para o público e um auditório no 4º pavimento, que foi reformado e modernizado. A homenagem ao ilustre maranhenseBenedito Leite data de 1958.

Governadora leva ações do Governo Itinerante para Santa Quitéria e Milagres do MA

07 de maio

GOVERNO ITINERANTE  (01)A caravana de governo encerrou mais etapa da itinerância visitando municípios do leste maranhense. A atenção ao homem do campo foi o destaque nesta etapa.

A governadora Roseana Sarney e sua equipe de governo encerraram mais uma etapa do Governo Itinerante realizando ações e prestando serviços desta vez nos municípios de Santa Quitéria e Milagres do Maranhão. A caravana, que iniciou o segundo mês de atividades visitando os municípios de Anapurus e Mata Roma, esteve nesta terça-feira (7), em mais duas cidades da região do Baixo Parnaíba, realizando ações de cidadania, saúde e de promoção da agricultura familiar.

Cidadania

GOVERNO ITINERANTE  (02)Em Santa Quitéria e Milagres do Maranhão, a governadora Roseana Sarney entregou sementes selecionadas de feijão e mudas de juçara e maracujá para agricultores familiares, além de fornecer Declarações de Aptidão ao Pronaf (DAPs) para que os pequenos produtores possam receber financiamentos e benefícios dos programas do Governo Federal. Além disso, a governadora acompanhou de perto as ações sociais do Governo do Estado na cidade, visitando a unidade móvel do Viva Cidadão instalada nos municípios, que está emitindo gratuitamente documentos como Carteira de Identidade (1ª e 2ª via), Carteira de Trabalho,  CPF, entre outros, para toda a população.

Saúde

Outra grande marca da passagem do Governo Itinerante é a prestação de serviços médicos com a chegada da “Caravana da Saúde”.

Nos dois municípios estão sendo oferecidos serviços como mutirão de Catarata, além de diversos exames clínicos que estão sendo disponibilizados também de forma gratuita.

Com a passagem do Governo Itinerante por essas cidades do leste maranhense, ao todo já são 18 municípios maranhenses que receberam as ações e serviços do Governo Itinerante.

Para saber mais sobre as ações do Governo do Maranhão, acesse www.facebook.com/governodomaranhao. Siga também o Governo no Twitter.

Secretário Luis Fernando Silva entrega estrada MA-034 em Caxias

06 de maio

LUIS FERNANDO - RESTAURAÇÃO MA-034 (1)O secretário de Estado de Infraestrutura, Luis Fernando Silva, representouando a governadora Roseana Sarney, entregou em Caxias, na tarde desta sexta-feira (3), a obra de recuperação e pavimentação da MA-034, no trecho que liga Caxias ao povoado Baú. São 41 km de estrada pavimentados e sinalizados, construídos com recursos do Governo do Estado da ordem de R$ 2.172.903,56.

“É mais uma ação firme e competente da governadora Roseana, que, por meio da Secretaria de Infraestrutura, vai garantir mais desenvolvimento para toda a região”, declarou Luis Fernando.

LUIS FERNANDO - RESTAURAÇÃO MA-034 (2)Na ocasião, o secretário lembrou que até o fim do ano outra grande obra será entregue na Região, que é a estrada que liga Caxias a São João do Sóter. “Já foi iniciada a pavimentação e, com as pontes, será outra estrada que significa a redenção econômica da agricultura e piscicultura familiar dessa região de Caxias e, também, vai oferecer um trânsito mais seguro de pessoas e riquezas”, destacou.

Luis Fernando também detalhou ações desenvolvidas pelo Governo do Estado na região e destacou a obra do Hospital de Alta Complexidade, que está sendo construído em Caxias. “Hoje a governadora está construindo aqui em Caxias um macro hospital de alta complexidade. Uma prova da atenção e carinho que tem pela população”, disse.

O secretário estava acompanhado de diversas autoridades, entre elas, o deputado federal Sétimo Waquim; o estadual Magno Bacelar; os prefeitos Maria da Luz Figueiredo (Eugênio Barros); Flávio Furtado (Duque Bacelar); Antonio Carlos (Colinas);  José Benedito Tinoco (Aldeias Altas), além de ex-prefeitos, vereadores e lideranças políticas da Região.

A solenidade de entrega da obra aconteceu em dois momentos. O primeiro, na entrada do povoado de Fumo Verde e o outro no povoado Baú, onde a população agradeceu a realização de um sonho. O lavrador Benedito Chaves disse estar feliz em saber que agora a população pode ter socorro mais rápido. “Essa estrada trouxe felicidade para nós todos, porque a gente pode fazer viagem mais rápida e na hora de uma necessidade”, observou.

Com a mesma satisfação estava a dona de casa Maria de Deus Dias, que lembrou como era antes e, agora com os benefícios que a estrada traz para comunidade. “Aqui antes era muita buraqueira, lama e poeira. Agora está uma maravilha, agradecemos a governadora Roseana porque nossa vida melhorou muito”, afirmou.

A prefeita de Eugênio Barros, Maria da Luz Figueiredo ressaltou a importância da estrada não só para o município de Caxias, mas para todas as cidades vizinhas. “Temos como referência regional a cidade de Caxias e, antes, demorávamos duas horas e vinte minutos para chegar até o município, agora com a estrada é somente uma hora e quinze minutos. Estamos felizes com a obra do governo, que traz desenvolvimento para nossa região”, observou.

Para saber mais sobre as ações do Governo do Maranhão, acesse www.facebook.com/governodomaranhao. Siga também o Governo no Twitter

Secretário Luis Fernando Silva participa de inauguração de obras em Passagem Franca

06 de maio

 

Secretário e demais autoridades inauguram reformas e ampliações da quadra poliesportiva (Foto - Handson Chagas)

Secretário e demais autoridades inauguram reformas e ampliações da quadra poliesportiva (Foto – Handson Chagas)

O Secretário de Estado de Infraestrutura, Luis Fernando Silva, representou a governadora Roseana Sarney, no sábado (3), nas comemorações do aniversário de 178 anos do município de Passagem Franca, localizado a 520 km da capital. Ao lado do prefeito José Antonio Rodrigues da Silva, o Gordinho, o secretário Luis Fernando Silva inaugurou obras, realizadas em parcerias com o Governo do Estado, como a quadra poliesportiva “Veio da Luca”, Praça de Eventos “José Pereira dos Santos “(Noguinho), Unidade Básica de Saúde “Luis Gonzaga Araújo”, pavimentação asfáltica de ruas da sede e calçamento de ruas com paralelepípedos. Foram entregues, ainda, 100 casas habitacionais do Programa Viva Casa do Governo do Estado executado, em parceria com município e Governo Federal.

image-11“Trouxe o abraço e carinho da governadora a todos de Passagem de Franca e, também, as obras que o Governo do Estado realiza, em parceria, como estrada, asfalto dentro da sede, quadras esportivas, entrega de casas, enfim obras que melhoram a qualidade de vida da população e trazem o desenvolvimento para o município”, observou.

Essa melhoria de vida é refletida na alegria da zeladora Alzira Moraes Alcântara, que agradeceu as obras que chegaram à cidade. “Estão de parabéns a nossa governadora e o prefeito que se uniram para melhorar a vida dos mais pobres, porque com o asfalto não teremos mais o alagamento. Agora está bom demais”, falou satisfeita.

Satisfação, também, para Luziana Costa, que trabalha com serviços gerais, mãe de dois filhos, que aplaudiu a entrega das novas obras. “Meus filhos vão aprender um esporte e não vão ficar na rua sem fazer nada e o asfalto é sonho do povo daqui. Só temos que agradecer”, declarou.

Prestigiaram a festa, os secretários de Estado de Educação, Pedro Fernandes e das Cidades e Desenvolvimento Urbano, Hildo Rocha; deputado estadual, Carlinhos Florêncio; prefeitos dos municípios de São Domingos do Azeitão, Nicodemos Ferreira; Paraibano, Aparecida Furtado; São João dos Patos, Waldênio da Silva;  Riachão, Gilza Ribeiro;  Barão de Grajaú, Gleydson Resende; Nova York, Airton Mota;  Buriti Bravo, Cid Costa;  Pastos Bons, Iriane Gonçalves; Lagoa do Mato, Mauro Porto; Benedito Leite, Laureano Barros; Mirador, Dr.Joacyr; Sucupira do Norte,  Marconi Lopes; Colinas, Antonio Carlos; Jatobá, Consuêlo Lima;  e ex-prefeitos, vereadores e lideranças políticas de toda a Região.

O prefeito Gordinho falou dos desafios superados e agradeceu o apoio do Governo do Estado. “Agradeço o empenho do secretário pela construção da estrada, um sonho antigo da população e também pelas obras que ajudam Passagem Franca a se desenvolver mais”, declarou.

Luis Fernando disse que apesar dos recursos escassos, o Governo do Estado tem trabalho em todo o Maranhão buscando sempre o melhor para o povo. “O Governo do Estado é parceiro de todos, sobretudo de prefeitos que trabalham e mostram obras para a população. Passagem Franca está de parabéns porque está crescendo e estou feliz em participar desse momento”, falou.

O secretário de Estado das Cidades e Desenvolvimento Urbano, Hildo Rocha, reafirmou as palavras de Luis Fernando e ressaltou que o governo Roseana é parceiro dos 217 municípios do Maranhão e falou da satisfação com a entrega das obras na data de aniversário da cidade. “Hoje aqui é só felicidade. Estão sendo entregues mais de 100 casas do Viva Casa, com recursos do Governo do Estado, e 10 km de pavimentação em bloquetes, além do asfalto, praças e melhorias sanitárias, que são obras que vem melhorar o desenvolvimento do município”, afirmou.

O deputado estadual, Carlinhos Florêncio, falou da importância das parcerias. “Hoje vemos obras importantes chegarem ao município, para isso foi essencial a busca da parceria com o Governo do Estado, que tem se mostrado comprometido em fazer com que as cidades do Maranhão cresçam cada vez mais”, observou.

Na oportunidade o secretário Luis Fernando vistoriou as obras, executadas pelo Governo do estado, do trecho da MA 034 que dá acesso ao município. Com as máquinas trabalhando no local, o secretário ressaltou o compromisso da governadora Roseana em melhorar os acessos as sedes dos municípios maranhenses. “É determinação da governadora Roseana Sarney interligar todos os municípios do Maranhão com rodovias pavimentadas”, disse.

Para saber mais sobre as ações do Governo do Maranhão, acesse www.facebook.com/governodomaranhao. Siga também o Governo no Twitter

Agência do Sine é inaugurada no aniversário de Barra do Corda

06 de maio

Barra do Corda 03 05 2013 (29)Numa parceria entre a Secretaria de Trabalho e Economia Solidária (Setres) e a Prefeitura de Barra do Corda, foi entregue, na sexta-feira (3), a Agência Municipal do Sine de Barra do Corda. A solenidade aconteceu no dia em que foi comemorado o aniversário de fundação do município. A Agência foi a primeira a ser completamente reformulada por meio do programa de revitalização das agências do Sine.

A Agência do Trabalho no município já existia, mas passou por uma ampla reforma e adaptação de espaço e serviços. A partir de agora, além da agência oferecer todos os serviços do Sine – intermediação para o emprego, captação de vagas, etc – passa a emitir documentos como a Carteira de Trabalho e Previdência Social e a Carteira de Identidade.

Barra do Corda 03 05 2013 (33)O secretário de Estado do Trabalho, José Antônio Heluy, explica que a Orientação Profissional e a Qualificação Profissional deverão entrar no rol de serviços oferecidos pela Agência. “Já estamos em negociação com a Secretaria de Ciência e Tecnologia para a instalação de uma Sala do Cetecma aqui em nossas dependências do Sine, o que aumenta a oferta de cursos do Maranhão Profissional no município”, garante.

“A Agência do Sine em Barra do Corda passa a ser a Casa do Trabalhador, onde o nosso cidadão pode comprovar sua cidadania retirando documentos importantes dentro de nosso município”, avalia Eric Costa, prefeito municipal.

Para saber mais sobre as ações do Governo do Maranhão, acesse www.facebook.com/governodomaranhao. Siga também o Governo no Twitter.

Secretário Hildo Rocha prestigia comemoração aos 178 anos de Barra do Corda

04 de maio

O secretário de Estado das Cidades e Desenvolvimento Urbano, Hildo Rocha, representou o Governo do Maranhão nas solenidades comemorativas ao aniversário de 178 anos de emancipação política do município de Barra do Corda realizadas nesta sexta-feira (3).

Barra do Corda 03 05 2013 (06)A data foi festejada com eventos religiosos, ação social, exposição artística, entrega de bombas hidráulicas, inaugurações, início de obras e assinatura de ordem de serviços para melhorias e expansão do sistema de abastecimento de água na sede do município.

Barra do Corda 03 05 2013 (15)Após missa em ação de graças, realizada na igreja Matriz, as autoridades visitaram a praça onde a prefeitura realizou atividades de ação social, assistiram apresentação de repentistas da cidade e, em seguida, visitaram a Primeira Exposição Artística de Barra do Corda “Nossa História! Nossa gente”, armada na prefeitura da cidade.

Abastecimento de água

Durante a solenidade foram entregues três bombas hidráulicas que serão utilizadas pela Caema na melhoria do sistema de abastecimento local. Na oportunidade, Hildo Rocha disse que vários municípios serão beneficiados com investimentos no setor.

Barra do Corda 03 05 2013 (25)O secretário ressaltou que, a meta estabelecida pela governadora Roseana Sarney, é concretizar melhorias em 100% da rede de abastecimento de água em Barra do Corda. “As obras serão custeadas com recursos oriundos do empréstimo de R$ 3,8 bi concedidos pelo BNDES”, enfatizou Rocha.

Solenidade de entrega de três bombas à Caema

Solenidade de entrega de três bombas à Caema

O prefeito Eric Costa, o vice Leandro Sampaio, secretários municipais, vereadores, prefeitos de municípios vizinhos e lideranças da região participaram dos eventos que, também, foram prestigiados pelo deputado estadual Antônio Pereira.

Parcerias

Ainda como parte da programação de aniversário da cidade foi reinaugurada a Agência do Sistema Nacional de Empregos (Sine) evento que teve a participação do secretário de Estado de Trabalho e Economia Solidária, José Antonio Heluy e demais autoridades.

Barra do Corda 03 05 2013 (29)O prefeito Eric Costa agradeceu o apoio das autoridades presentes, elogiou o empenho dos diretores da Caema e destacou a importância das parcerias do Governo do Estado com a prefeitura municipal. “Em apenas quatro meses de administração já obtivemos muitos avanços. Recebemos um tomógrafo, um mamógrafo e novo aparelho de Raio X. Tendo certeza que essa parceria tende a se ampliar e trazer progressos para a nossa população que tanto precisa e merece”, enfatizou o prefeito.

Barra do Corda 03 05 2013 (36)

 

Veja o vídeo. Clique aqui.

Seplan capacitará municípios na área de planejamento

02 de maio

A Secretaria de Estado do Planejamento e Orçamento (Seplan) iniciará, este mês, a execução de programa de capacitação técnica como instrumento de apoio à elaboração e implementação dos planos plurianuais municipais (PPA’s) para o período 2014-2017. As ações envolverão os 217 municípios maranhenses.

O objetivo final da capacitação é oferecer um roteiro aos técnicos e dirigentes municipais, que lhes permitirá facilitar ou moderar as oficinas de planejamento estratégico nos municípios.

Para realizar essa atividade nos municípios, técnicos da Seplan participaram, de 15 a 19 de abril, na Escola Nacional de Administração Pública (Enap), em Brasília, de um dos módulos do Programa: o de Planejamento do Programa de Capacitação (PPA) para Técnicos Municipais.

O módulo, que já capacitou cerca de 110 multiplicadores, entre os quais, quatro técnicos da Seplan, inaugurou o Programa – que conta também com os módulos de Elaboração de Projetos, de Monitoramento e de Avaliação – e se insere nas Agendas de Desenvolvimento Territorial propostas pelo Ministério do Planejamento.

Os multiplicadores maranhenses formados pela Enap estão estruturando o curso para formação dos técnicos municipais. A Escola de Governo do Maranhão (EGMA), em parceria com a Enap, serão responsáveis pela coordenação do curso para os 217 municípios maranhenses.

A Seplan e a EGMA contarão, neste processo, com a participação direta da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (Famem), na mobilização e sensibilização dos gestores municipais para disponibilizarem técnicos com o perfil adequado para a capacitação, em São Luís, a fim de dar prosseguimento ao processo no âmbito dos seus municípios.

A Enap também disponibilizará aos multiplicadores um ambiente virtual para troca de experiências e compartilhamento de documentos de apoio aos processos de elaboração, monitoramento e avaliação dos planos.

Agendas de Desenvolvimento

A execução das ações voltadas à promoção do desenvolvimento local e que resultem em melhorias efetivas na vida dos cidadãos é um desafio que se impõe às administrações municipais. O êxito no seu enfrentamento, contudo, requer também o aprimoramento da cooperação federativa, mediante o fortalecimento e a ampliação dos mecanismos de articulação entre os governos federal, estadual e municipal para a promoção do desenvolvimento integrado.

É nesse contexto que o Ministério do Planejamento propôs as Agendas de Desenvolvimento Territorial. O propósito é construir uma visão compartilhada de planejamento a partir da convergência das estratégias federal e estadual, constantes dos respectivos planos plurianuais, sobretudo nas intervenções já em execução ou planejadas e constantes nos respectivos planos plurianuais que possam ser aproveitadas pelos municípios.

Na medida em que as Agendas de Desenvolvimento Territorial forem sendo pactuadas, os municípios terão informações estratégicas para elaborar seus planos plurianuais, considerando as oportunidades de mobilização de investimentos federais e estaduais, evitando-se que investimentos planejados ou em andamento deixem de ser considerados pelo município no seu planejamento. Para que os municípios possam aproveitar de modo eficaz tal oportunidade, é fundamental desenvolver competências essenciais no campo do planejamento e gestão junto aos dirigentes e equipes técnicas municipais.

Para saber mais sobre as ações do Governo do Maranhão, acesse www.facebook.com/governodomaranhao. Siga também o Governo no Twitter.

Municípios que promovem boas práticas serão premiados pelo Fórum Global de Assentamentos Humanos

02 de maio

O Fórum Global de Assentamentos Humanos (GFHS, sigla em inglês) criou o Prêmio com objetivo de encorajar cidades, organizações e indivíduos que contribuíram para restauração da natureza e proteção e promoção dos assentamentos humanos sustentáveis.

Já ganharam esse prêmio cidades como: Curitiba, no Brasil; Santa Mônica, nos Estados Unidos; West Vancouver, no Canadá; Nantes, na França; e cidades chinesas, incluindo Sanya, Yichum e Wuxi.

A organização

O GFHS é uma organização não-governamental, com sede em Nova York, que promove assentamentos humanos sustentáveis e a agenda do habitat das Nações Unidas. É também membro da Iniciativa Climática e de Construções Sustentáveis do Programa das Nações Unidas de Meio Ambiente (PNUMA) e do Pacto Global das Nações Unidas.

O Município que se inscrever será avaliado sobre as condições de meio ambiente na sua jurisdição. Além de suas políticas ambientais, do seu desenvolvimento sócio-econômico, e seu sistema habitacional e de transportes.
O prazo para submissão do formulário foi estendido até o dia 15 de maio. Veja aqui
 Os detalhes do prêmio podem ser acessados aqui

Fonte: Agência CNM

 

Página 77 de 82« Primeira...102030...7576777879...Última »
Categorias
CONECTE-SE
CADASTRE-SE

Cadastre-se e receba novidades do Hildo Rocha!

CONTATO

captcha